STF: ‘O exemplo vem de cima’, diz Marco Aurélio sobre participação de Bolsonaro em manifestação

283

Para o ministro do STF, país vive tempos estranhos: ‘Vamos aguardar com temperança, mas preocupados’

BRASÍLIA — O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou que é preciso aguardar com “temperança” o que vem pela frente ao comentar as manifestações deste domingo pelo país, que tiveram palavras de ordem contra o Congresso e o STF. Mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro  cumprimentou manifestantes durante um ato em Brasília.

— Cabe ao presidente falar (sobre os protestos). Só revela que vivenciamos tempos muito estranhos e não sabemos o que podemos ter pela frente. Vamos aguardar com temperança, mas preocupados —disse o ministro.

Analítico: Encontro de Bolsonaro com críticos do Congresso é novo obstáculo para Guedes

Marco Aurélio não quis comentar amplamente a postura do presidente de romper com os protocolos do Ministério da Saúde em relação ao coronavírus e sair do isolamento. Bolsonaro chegou a apertar a mão de apoiadores e tirar selfies.

Manifestantes ignoram alerta contra coronavírus e fazem atos contra o Congresso em capitais

No Rio, o ato foi na Orla de Copacabana Foto: Pedro Teixeira / Agência O Globo

— Mostrou que o presidente não tem medo do coronavírus — avaliou, acrescentando uma crítica:

— Não se pode jamais esquecer que o exemplo vem de cima.

Maia: ‘atentado à saúde pública’

Já o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que Jair Bolsonaro comete um “atentado à saúde pública” ao participar das manifestações e que ainda contraria as orientações do seu próprio governo.

“O presidente da República ignora e desautoriza o seu ministro da Saúde e os técnicos do ministério, fazendo pouco caso da pandemia e encorajando as pessoas a sair às ruas. Isso é um atentado à saúde pública que contraria as orientações do seu próprio governo”, disse Maia, em texto publicado em seu perfil no Twitter.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), também criticou o presidente por sua participação no ato por meio de uma nota.

“Conduta imprópria e inoportuna. Nós estamos reunidos aqui para tomar decisões para proteger a vida das pessoas. E o presidente Bolsonaro está mais preocupado com a sua vida política”, afirmou Doria no texto, acrescentando:  “Eu procuro pensar em todos. O presidente pensa nele”.

Fonte: O GLOBO

Link: https://oglobo.globo.com/brasil/o-exemplo-vem-de-cima-diz-marco-aurelio-sobre-participacao-de-bolsonaro-em-manifestacao-24306744

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here