Sintaf e Fundação Sintaf articulam comemoração do bicentenário da Confederação do Equador

58

Em meio à comemoração do bicentenário da Confederação do Equador, neste ano de 2024, o Sintaf e a Fundação Sintaf estão tratando com possíveis parceiros sobre a construção de uma programação especial, que deve incluir duas audiências públicas e a apresentação de uma peça teatral em diversos municípios cearenses.

“As audiências públicas estão sendo agendadas com o apoio do deputado estadual De Assis Diniz, que será o requerente. Uma deve acontecer em Fortaleza, no Passeio Público, e outra na Praça do Crato”, adiantou o coordenador regional do Sintaf no Cariri, Luís Carlos Diógenes.

A ideia do projeto foi levada ao Assessor Especial de Assuntos Municipais da Casa Civil, Artur Bruno, em reunião ocorrida em dia 27 de fevereiro, quando ele reconheceu que a data não deve passar em branco, por sua relevância. Ele entrou em contato com a secretária da Cultura do Ceará, Luisa Cela, que designou uma reunião entre o coordenador Luís Carlos Diógenes, o diretor-geral da Fundação Sintaf, Liduíno de Brito, e a diretora do Arquivo Público do Estado do Ceará, Janaína Ilara. O encontro ocorreu no dia 7 de março.

Nas reuniões, além de falar sobre a comemoração do bicentenário da Confederação do Equador, os diretores destacaram o projeto Lute como uma Bárbara e os desdobramentos da primeira audiência pública, ocorrida em agosto de 2023, como a criação do Museu da Bárbara de Alencar, em Itaguá (Campos Sales), da rota turística Caminhos de Bárbara, no Cariri, e do Memorial de Bárbara, no Crato.

A Confederação do Equador foi um movimento revolucionário de caráter republicano e separatista ocorrido em 1824 no nordeste brasileiro. Começando em Pernambuco, ampliou-se rapidamente para outras províncias da região, como Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. Em síntese, a Confederação do Equador se opôs ao autoritarismo e à centralização do poder imperial e buscou a independência em relação ao Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here