Sintaf participa de debate sobre reforma da Previdência estadual no programa “A Voz do Trabalhador”

432

A convite do programa “A Voz do Trabalhador”, da Rádio Cidade AM 860, o diretor de Assuntos Funcionais e Jurídicos do Sintaf, Wildys de Oliveira, participou no último sábado (15/2) de debate sobre impacto da reforma da Previdência para os servidores públicos estaduais.

Segundo destacou Wildys em sua fala inicial, o impacto desta “bomba de efeito retardado” lançada pelo governo estadual sobre a aposentadoria dos servidores irá demorar cerca de 30 anos para ser sentida. “A população em geral, principalmente os servidores públicos, não se deu conta do tamanho dos malefícios decorrentes desta reforma”, afirmou.

O programa também contou com a participação do professor Pádua Araújo, do Mova-se. “Já temos aposentados reclamando por conta da redução em seus proventos de aposentadoria”, disse o professor, referindo-se à taxação dos aposentados que recebem acima de dois salários mínimos. De acordo com a legislação aprovada, o desconto irá perdurar enquanto a previdência estadual apresentar déficit.

E por falar em déficit da Previdência estadual, este é contestado pelo Sintaf no “Memorial do Regime Próprio da Previdência Estadual”. O estudo técnico demonstra que a dívida apresentada hoje se refere às contribuições dos servidores que não foram aportadas pelo Estado à época da criação do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), o que traria equilíbrio ao fundo.

Com apresentação de José Albano, o programa “A Voz do Trabalhador” é veiculado todo sábado, das 7h às 8h, na Rádio Cidade AM 860.

Confira o programa na íntegra:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here