Maia quer concluir votação do orçamento de guerra até segunda

88
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quarta-feira (29) que a proposta de emenda à Constituição (PEC) do orçamento de guerra deve ser votada pelos deputados até a próxima segunda-feira (4).

“Há algumas questões em relação ao que o Senado colocou, mas estamos para votar hoje ou no máximo segunda-feira já os dois turnos”, disse em entrevista coletiva antes de começar a sessão.

A proposta segrega cerca de R$ 700 bilhões do orçamento de 2020 para ações de combate ao coronavírus e permite ao Banco Central fazer compra direta de créditos, sem a intermediação de instituições financeiras.

Maia também confirmou que o relatório do deputado Hugo Motta (Republicanos-PB) vai retirar trecho incluído por senadores que obrigava as empresas beneficiadas pela matéria a não demitirem. A informação antecipada nessa terça-feira (28) pelo Congresso em Foco.

O líder do MDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), disse ao Premium que a leitura do parecer de Hugo Motta será feita nesta quarta, mas preferiu não comentar sobre quando a votação deve acontecer.

A matéria ainda sofre resistência da oposição. PT, PSB e Psol se manifestaram contra. O Psol apresentou um destaque para que seja retirada o poder do BC de fazer compra direta de créditos.

Fonte: Congresso em Foco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here