Com investimento de R$ 10 mi, Instituto de Tecnologia Sesi Senai é reinaugurado

17

| Indústria | O presidente da Fiec, Ricardo Cavalcante, ressaltou que o propósito é atender as demandas de todo o setor industrial cearense

Com um investimento de R$ 10 milhões, o Instituto de Tecnologia Sesi Senai, em Maracanaú, foi reinaugurado ontem, 11. O local, que foi inaugurado inicialmente em agosto de 2014, agora recebe o nome do Professor Ariosto Holanda e dá seguimento aos investimentos feitos na rede pela Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

Para o presidente da Fiec, Ricardo Cavalcante, não é apenas uma homenagem, mas um registro.

“Ao dar o seu nome a este equipamento, que se volta integralmente para a construção do futuro, a partir da valorização do pensamento humano, queremos não só homenagear este grande cearense, mas registrar nos anais da história da indústria, quem e Francisco Ariosto Holanda.”

O presidente da Fiec também ressaltou que o propósito é atender as demandas de todo o setor industrial cearense.

“Estamos continuamente pesquisando, estudando e compreendendo as suas necessidades, e desenvolvendo estratégias inteligentes, para tornar o Estado do Ceará em um celeiro de oportunidades para todos aqueles que querem investir com visão global de futuro.”

Além disso, fornece benefícios que vão desde o acesso à infraestrutura de ponta e à expertise técnica, até parcerias estratégicas, favorecendo um ambiente atrativo para o desenvolvimento regional das indústrias.

Dentro da mesma estrutura, está o Centro de Inovação Sesi, que tem como objetivo criar soluções para auxiliar a indústria a identificar e gerir os custos com saúde e segurança no trabalho.

O processo é feito por meio da definição e monitoramento de indicadores, mensuração dos impactos das ações de saúde e segurança e retorno do investimento.

Caracterizado por ser uma ICT (Instituto de Ciência e Tecnologia), atualmente é um dos fomentadores de PD&I com maior representatividade industrial, com 72 projetos no portfólio de desenvolvimento.

“O Sistema Fiec, através do Sesi e do Senai Ceará, tem investido forte na estruturação de uma rede de equipamentos que possa dar a indústria cearense todas as condições necessárias para que ela de o salto de qualidade, de eficiência e de competitividade que o momento exige. O Instituto de Tecnologia Sesi Senai Professor Ariosto Holanda é um dos bons exemplos desse compromisso assumido e que estamos seguindo a risca”, complementa Cavalcante, ao contabilizar que, nos últimos quatro anos, foram investidos mais de R$ 20 milhões nesta estruturação.

Neste período, o número de laboratórios da rede Sesi Senai Ceará foi ampliado de 146 para 303. E citou a entrega, ainda este ano, de mais 18 novos laboratórios, na ordem de R$ 15 milhões, além da nova Escola Sesi Senai de Maracanaú, prevista para ser inaugurada em setembro, com capacidade de comportar 1.200 alunos, e que levará o nome do ex-Presidente da Fiec, Fernando Cirino Gurgel.

Durante a cerimônia, também aconteceu a assinatura do termo de residência que levou a ArcelorMittal a ser a 11ª empresa a ter o próprio espaço no Instituto de Tecnologia Sesi Senai. O termo foi assinado pelo Presidente Ricardo Cavalcante, por Paulo André Holanda e pelo diretor de Finanças (CFO) da ArcelorMittal, Paulo Wanick.

Faturamento real da indústria cai 0,1%, diz CNI
A indústria brasileira fechou janeiro de 2024 com faturamento real praticamente estável na série dessazonalizada, com queda de 0,1% em relação a dezembro, segundo a pesquisa Indicadores Industriais, da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Indicadores como emprego industrial ( 0,3%), massa salarial ( 2,0%) e rendimento médio real ( 0,6%) tiveram avanços no mês.

O número de horas trabalhadas na produção também avançou pelo terceiro mês seguido, com crescimento de 0,4% em relação a dezembro. Na comparação com janeiro de 2023, o número de horas trabalhadas avançou 0,8%.

Segundo a entidade, os indicadores industriais de janeiro refletem um momento aquecido do mercado de trabalho concomitantemente a uma ausência de novos impulsos para a atividade industrial. (Agência Estado)

Agenda
Equipamento lançado ontem faz parte dos 5 lançados e reinaugurados pela Fiec, a partir de um investimento total de R$ 84,3 milhões

Fonte: O Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here