Arrecadação pode cair R$ 30 bilhões com projeto de reforma do imposto de renda

20

A Instituição Fiscal Independente do Senado calcula que governo pode perder R$ 30 bilhões na arrecadação no próximo ano, caso projeto de reforma do Imposto de Renda (PL 2337/2021) passe no Congresso Nacional. O diretor-executivo da IFI, Felipe Salto, alerta que o valor pode chegar a R$ 50 bi caso benefícios fiscais da PEC Emergencial sejam mantidos.

A Instituição Fiscal Independente do Senado estima que a arrecadação deverá ter uma queda de R$ 28,9 bilhões no ano que vem caso o Senado aprove projeto das mudanças no Imposto de Renda que veio da Câmara dos Deputados. O rombo pode chegar a R$ 50 bi caso benefícios fiscais oferecidos em razão da pandemia sejam mantidos. O diretor-executivo da IFI, Felipe Salto, alertou para o impacto das medidas no equilíbrio das contas públicas.

A recuperação cíclica que acontece neste momento em razão da alta do PIB em 2021 não deve ser tomada como uma tendência, como o Ministério da Economia fez em nota publicada há alguns dias para justificar que o projeto seria compensado pelo aumento da arrecadação em razão da atividade econômica. É muito importante saber que a proposta aprovada tem custo elevado no momento em que ainda temos déficit público expressivo e dívida pública alta.

O projeto de lei aprovado na Câmara atualiza a tabela do Imposto de Renda das pessoas físicas, diminui a taxação de empresas e cria uma tributação sobre lucros e dividendos. A proposta também proíbe a dedução dos juros sobre capital próprio da base de cálculo do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre Lucro Líquido. Da Rádio Senado, Bruno Lourenço.

Fonte: Agência Senado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here