PROCON FORTALEZA: Cagece lidera lista de queixas no Procon

291


A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) encabeça o ranking das empresas que mais receberam reclamações de consumidores em 2018, na Capital. No período, a instituição registrou 790 queixas. A lista foi divulgada nesta terça-feira, 2, pelo Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza).


No ano passado, o órgão protocolou 20.504 reclamações. O número é superior ao contabilizado em 2017, quando foram assinaladas 19.235, ou seja, um acréscimo de 6,59%. Cobrança indevida e abusiva, taxas de juros e produtos com vício lideram a lista de reivindicações dos clientes. Os dados são consolidados pelo Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça.


Por meio de nota, a Cagece informou que atende cerca de 700 mil clientes na Capital. “A companhia tem investido continuamente no incremento de equipes para realizar os atendimentos de água e esgoto, conseguindo reduzir de forma gradativa o tempo de atendimento”, ressaltou.


A instituição é seguida pela Oi Móvel S/A (324), Enel (306), Caixa Econômica Federal (243), Banco Bradescard S/A (231), Banco Bradesco S/A (192), Banco do Brasil S/A (160), Banco ItaúCard S/A (158), Correios (136) e Via Varejo – Casas Bahia/Ponto Frio (106).


Conforme o Procon Fortaleza, apesar de estar entre as mais reclamadas, a Cagece apresenta taxa de 81,35% de resolução dos problemas.


ISRAEL GOMES