Sintaf reafirma sua posição em defesa da vacinação prioritária para servidores fazendários que desempenham atividades presenciais

78

Em  15 de março de 2021, o Sintaf publicou nota ao público com o título “Vacina já para solucionar a crise sanitária e fiscal no Brasil”, manifestando sua posição acerca da falta de compromisso e humanidade com que o Governo Federal vem lidando com a pandemia do novo coronavírus.
Especificamente em relação ao tratamento que o governo estadual vem dispensando aos servidores fazendários que realizam atividades presenciais, assim se expressou a Diretoria Colegiada do Sintaf: “…manifestamos nossa insatisfação com o fato de os servidores fazendários lotados nos Postos Fiscais, desempenhando atividades essenciais ao Estado, não terem sido listados entre os profissionais que são prioridade para serem vacinados, o que demonstra incoerência e contradição, uma vez que continuam trabalhando em meio à pandemia, correndo o risco de serem infectados com maior probabilidade em decorrência das características próprias de suas atividades.
Por isso, fazemos um apelo ao governador Camilo Santana, a fim de que considere prioritária a vacinação dos servidores fazendários que realizam trabalho presencial, em função da essencialidade de suas atividades”. Desde a publicação da citada nota até esta data, não houve qualquer manifestação por parte da Secretaria da Fazenda (Sefaz) nem do Governo do Estado sobre o assunto. Mas os servidores fazendários continuam desenvolvendo atividades presenciais. Prova disso é a quantidade considerável de casos de Covid-19 que tem acometido os servidores expostos nos locais de trabalho da Sefaz.
Dessa forma, a Diretoria Colegiada do Sintaf vem a público, novamente, externar a sua cobrança do pleito tanto da Secretária da Fazenda quanto do Governador do Estado, a fim de que incluam os servidores fazendários, que continuam trabalhando presencialmente, como prioritários no cronograma de vacinação estadual, uma vez que realizam atividades essenciais visando garantir os recursos indispensáveis à saúde, educação, segurança e demais serviços prestados à população.
A Diretoria Colegiada do Sintaf conclama todos a seguir as determinações das autoridades sanitárias e reafirma o compromisso dos servidores fazendários em continuar trabalhando pela melhoria da qualidade de vida da população cearense!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here