Sintaf exige à Administração Fazendária uniformizar os protocolos sanitários contra a Covid-19

35

A Diretoria Colegiada do Sintaf expressa sua preocupação com a situação sanitária de todas as unidades da Sefaz, em especial os Postos Fiscais de Penaforte e Aracati, em que  vários servidores e colaboradores foram acometidos de COVID-19.

Temos enfatizado a necessidade de priorização dos servidores fazendários e colaboradores que estão trabalhando presencialmente no cronograma de vacinação, como forma de evitar o contágio tanto dos colegas quanto das pessoas que se dirigem aos Postos Fiscais. Além disso, o protocolo de sanitização dos Postos Fiscais deve ser efetivado semanalmente, tendo em vista que a COVID-19 se transmite rápido devido ao aparecimento de variantes do vírus. Por isso, os mínimos cuidados com os protocolos sanitários devem ser seguidos à risca, em obediência às determinações das autoridades sanitárias.

Alertamos, na oportunidade, a responsabilidade da Administração Fazendária com as vidas dos servidores fazendários e dos colaboradores que estão trabalhando diuturnamente para assegurar os recursos financeiros que propiciam os serviços públicos prestados pelo Governo do Estado do Ceará.

Os recursos gerados pela atividade econômica seguem um fluxo que pode ser acompanhado pelo corpo técnico competente da Secretaria da Fazenda, com segurança e estabilidade emocional, desde que haja compromisso verdadeiro com a proteção da vida, em primeiro lugar.

A Diretoria Colegiada do Sintaf entrou em contato hoje com a Administração da Sefaz para solucionar o problema. O Sintaf defende a prevalência da vida e da segurança dos servidores fazendários e colaboradores, logo, apela à Administração Fazendária para o cumprimento rígido dos protocolos sanitários visando preservar seu maior patrimônio: vidas humanas saudáveis!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here