Ceará ainda tem dinheiro a receber de Refis

25

Um dos principais objetivos do Governo do Estado é atenuar as perdas com o ICMS sobre combustíveis, mas Fabrízio não acredita que haverá arrecadação com Refis

O Governo do Ceará ainda tem dinheiro a receber de renegociação de dívidas (Refis) pelo menos nos próximos cinco anos. O montante pequeno a entrar nos cofres chega em torno de R$ 50 milhões. Por isso, a solução de novo programa para arrecadar não está no radar.

“A princípio a gente já fez dois Refis recentemente, o último no fim de 2021 e ainda tem gente pagando, justifica Fabrízio Gomes, novo Secretário da Fazenda do Ceará, para não ver a medida ainda como viável para esta gestão. O último programa lançado abatia débitos de ICM/ICMS, IPVA e ITCD inscritos em dívida ativa.

Dentre as medidas a apresentar ao governador Elmano de Freitas (PT), no âmbito da Sefaz, o secretário acredita que devam ser apresentadas as prioridades da Secretaria no começo de fevereiro. Um dos principais objetivos é atenuar as perdas do Estado com o ICMS sobre combustíveis, mas sem aumento de impostos, como já discursavam Elmano e Fabrízio.

Fonte: Coluna Beatriz Cavalcante – O Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here