Aluguel residencial sobe 0,59% em maio, após alta de 0,82% em abril, afirma FGV

12

Os aluguéis residenciais ficaram 0,59% mais caros em maio, depois de terem subido 0,82% em abril. Os dados são do Índice de Variação de Aluguéis Residenciais (IVAR), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). Em 12 meses, o índice acumulou uma alta de 8,83%, a maior variação da série histórica iniciada em janeiro de 2019.

Quanto aos resultados das quatro capitais que integram o índice da FGV, o aluguel residencial em São Paulo passou de uma elevação de 1,27% em abril para um recuo de 0,26% em maio. No Rio de Janeiro, o índice saiu de alta de 0,31% para expansão de 1,31% no período; em Belo Horizonte, de queda de 0,07% para alta de 1,97%; e em Porto Alegre, de aumento de 0,82% para alta de 0,87%.

No acumulado em 12 meses, os aluguéis avançaram 6,49% em São Paulo; 8,06% em Porto Alegre; 15,96% em Belo Horizonte; e 10,33% no Rio de Janeiro.

Leia mais em: https://www.opovo.com.br/noticias/economia/2022/06/07/aluguel-residencial-sobe-059-em-maio-apos-alta-de-082-em-abril-afirma-fgv.html

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here