Agendamento da vacinação de Covid-19 em Fortaleza ainda não está disponível

170
José Sarto e Ana Estela em coletiva
Legenda: Segundo Ana Estela, será necessário ainda saber quando e quantas doses chegarão ao Estado para o agendamento está disponível
Foto: Helene Santos

“Quando chegar doses suficientes para idosos acima de 75 anos e para as demais fases serão realizados agendamentos para os locais de vacinação. O agendamento será pelo site e aplicativo, que ainda está em fase de desenvolvimento”.

Conforme a secretária, é necessário ainda saber quando irá receber e quantas doses estarão disponíveis para fazer o agendamento. “Vamos aguardar mais doses para que a população acesse o aplicativo e o site”.

Como agendar

O Mais Saúde Fortaleza terá uma janela nomeada de “Vacine Já Covid-19“. O familiar acessará o aplicativo e faz um pré-cadastro para que o idoso acima de 75 anos receba a vacina.

Segundo Ana Estela, para alcançar os profissionais que estão diretamente na assistência a pacientes infectados pelo novo coronavírus, a SMS acessou uma relação nominal, que ajudou na elaboração da rota de vacinação.

“Inicialmente, os profissionais que estão atendeendo nas UTIs Covid, nas enfermarias, nas emergências porta aberta, no Samu e nas Upas. São os profissionais que estão em maior risco”, considera.

 

 

A secretária alertou ainda que, mesmo com a vacinação, é preciso continuar com as medidas sanitárias para conter o vírus.

“A pandemia não acabou. Estamos vivendo um aumento de casos e na nossa cidade não é diferente. Então é preciso que, mesmo com a vacina, a população continue com as medidas sanitárias de segurança, como uso de máscaras e distanciamento social. Pra que a gente interrompa a circulação viral, é preciso que pelo menos 75% das pessoas sejam vacinadas. E a gente está começando com um número pequeno de doses”, disse.

 

Início da vacinação

A abertura do plano local de imunização ocorreu no Hospital Leonardo da Vinci (HLV), tendo sido a primeira a receber a CoronaVac a técnica de enfermagem Maria Silvana Souza Reis, de 51 anos. 

Entre profissionais de saúde, serviços gerais e liderança indígena, pelo menos 16 pessoas já receberam a primeira dose da CoronaVac em unidades de Fortaleza. No HLV, seis pessoas foram vacinadas; cinco no Instituto Doutor José Frota (IJF) e outras cinco no Hospital Geral de Fortaleza (HGF).

Lote para Fortaleza 

Das 218 mil doses direcionadas ao Ceará, 80 mil foram reservadas à Capital. Isto implicará na vacinação de 40 mil pessoas, uma vez que cada uma terá duas doses com intervalo de 14 a 21 dias. Nas demais cidades da Região Metropolitana e do Interior, estão garantidas 138 mil doses, o que imunizará 69 mil pessoas.

O avião da Força Aérea Brasileira que trouxe o carregamento das vacinas desembarcou no Terminal de Aviação Geral, em Fortaleza, por volta das 17h40 dessa segunda-feira (14), frustrando a expectativa inicial de que chegaria às 14h. O atraso foi provocado por escalas feitas pela aeronave em Goiânia e Teresina.

Locais de vacinação

Diferente do calendário de imunização comum, a CoronaVac ainda não será ofertada nos postos de saúde da Capital, já que há demanda de pacientes com sintomas de síndrome gripal. Nesse cenário, a aplicação ocorrerá nos próprios locais de trabalho dos profissionais de saúde, assim como em centros de vacinação montados em equipamentos públicos e na residência de idosos.

O público-alvo precisará agendar o dia e o horário para receber a dose através do aplicativo Mais Saúde Fortaleza, que permite a escolha do local. As opções são:

  • Centro de Eventos
  • Estádio Presidente Vargas
  • Ginásio Paulo Sarasate
  • Castelão
  • Cuca Mondubim
  • Cuca Jangurussu
  • Cuca José Walter
  • Cuca Barra

    Diário do Nordeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here